Com rosto lavado, Cleo Pires posta foto e fala sobre sua doença de pele


Ultimas notícias sobre Cleo Pires

Ultimas notícias sobre Cleo Pires:

Com rosto lavado, a famosa fez um post-desabafo sobre sua doença no Instagram

Cleo Pires comentou sobre sua doença e ainda compartilhou as dicas que usa para melhorar o aspecto da pele

Cleo Pires surpreendeu os seguidores ao desabafar sobre sua doença. De rosto lavado e sem maquiagem, Cleo Pires compartilhou como se sentiu quando ficou sabendo o diagnóstico de melasma:

"Lembro quando descobri que tinha melasma, foi difícil para mim. Uma menina que mal usava maquiagem e que gostava da praticidade em tudo".

"Mas aprendi muita coisa bacana e os cuidados que tive de implementar no meu dia a dia tornaram meus hábitos e minha pele muito mais saudáveis. Hoje eu tomo vários cuidados com a pele, que eu já contei para vocês num vídeo lá no canal do meu site“, revelou Cleo na publicação. Nos comentários, fãs elogiaram a atriz: “Tu é linda de qualquer jeito!“, escreveu uma seguidora. Outros aproveitaram para desabafar sobre a doença. “Aí Jesus, então me passa a receita porque já fiz de tudo e não resolveu. Quando me olho no espelho e vejo essas manchas, me bate uma depressão terrível"

Confira o post da famosa




Os cuidados com a pele de Cleo Pires

A famosa contou em sua conta do Youtube que dorme com protetor solar sempre que está em um lugar que tenha qualquer incidência de luz. Quando acorda, a atriz segue um ritual de proteção da pele. Primeiro, ela lava o rosto e passa um creme para pele acneica.

Quando ela sente que a pele está um pouco seca, passa um hidratante por cima. Depois disso, usa um creme que ajuda a clarear as manchas provocadas pelo melasma, um protetor solar sem cor, um protetor solar com cor e finaliza com um pó que também tem proteção.

O que é o melasma? O melasma são manchas marrons que costumam surgir por volta dos 30 anos de idade no rosto e, por estar relacionado a questões hormonais, é mais comum em mulheres. No site oficial de Cleo Pires, sua médica ortomolecular, Janaína Barboza, explica que o melasma tem forte componente genético, mas a origem é a disfunção do hormônio progesterona.

Fique firme Cléo, nossa homenagem:



Tecnologia do Blogger.